Dignidade protegida diante das novas tecnologias: Empresa aérea é condenada por submeter empregado ao “detector de mentira”

Dignidade protegida diante das novas tecnologias: Empresa aérea é condenada por submeter empregado ao “detector de mentira”

Darlen Prietsch Medeiros

Scarica il documento


Per la tua pubblicità sui nostri Media:
maggioliadv@maggioli.it  |  www.maggioliadv.it

Gruppo Maggioli
www.maggioli.it